Richa pretende gastar menos R$ 300 milhões, na Educação, em 2017


Na última quarta-feira (07), os(as) deputados(as) estaduais iniciaram a votação da proposta de Lei Orçamentária para o ano que vem, enviada pelo governador Beto Richa. Como esperado, a proposta – a exemplo do que já havia ocorrido em 2015 – prevê menos recursos para a Educação em 2017. De acordo com as estimativas feitas pelo economista Cid Cordeiro, serão exatos R$ 315.370.501,00 abaixo do orçamento deste ano. Segundo ele, os números dão uma pista do que o governo pretende. E o presidente da APP-Sindicato, professor Hermes Silva Leão, concorda que não vem coisa boa por aí.

“Durante o transcorrer do ano, a mídia divulgou a precária situação das nossas escolas e a sociedade acompanhou a luta da APP-Sindicato para cobrar os valores atrasados de promoções e progressões, o cumprimento do reajuste da data-base de 2017, que estava previsto em lei, enfim, os compromissos assumidos pelo governador. Ao anunciar o orçamento de 2017 menor que o previsto em 2016, Beto Richa indica que continuará o calote na Educação”, alerta o professor Hermes Leão.

Nos últimos anos, a APP tem denunciado a redução dos investimentos na área. Em 2016, foram menos R$ 307 milhões. Em 2017, o quadro deve se repetir. E o presidente da entidade questiona: “Como eles pretendem ‘cortar gastos’? Fechando escolas, turmas e programas? Demitindo profissionais?”.  Para ele, há um fator que não deve ser esquecido. “Mesmo que a Educação detenha a maior folha de pagamento e um dos maiores investimentos, os salários da nossa categoria são os menores do quadro funcional do Paraná”. Para presidente da entidade, a luta, em 2017, será árdua. “Mas continuaremos firmes na defesa de nossos direitos”, garante.

ORÇAMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA EM 2016
Quanto foi previsto e que deveria ter sido aplicado em 2016? R$ 7,87 bi
Quanto foi realmente gasto em 2016? 8,48 bi

ORÇAMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA EM 2017

Quanto está previsto para ser aplicado em 2017? R$ 7,55 bi
Quanto, a menos, em relação ao previsto para 2016? R$ 315 milhões