Operação Quadro Negro: Beto Richa é denunciado pela terceira vez


Beto Richa foi denunciado pela terceira vez na Operação Quadro Negro. O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), protocolou nessa quarta-feira (10) uma denúncia de corrupção passiva e de prorrogação indevida de contratos de licitação contra Richa. A Operação Quadro Negro investiga desvios de mais de R$ 20 milhões em obras de escolas públicas paranaenses.

Nesta terceira denuncia do Ministério público contra o ex-governar tucano, pairam suspeitas sobre irregularidades e desvios na construção de duas escolas de Guarapuava, totalizando R$ 1,6 milhões. Richa, que foi preso três vezes desde setembro de 2018,  já responde, na mesma operação, pelos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e prorrogação indevida de contrato de licitação.

:: Lei aqui as denúncias e manifestações da APP-Sindicato cobrando respostas sobre a Quadro Negro.

Com informações: G1 Paraná