Livro desvenda a devastação do trabalho no Brasil durante a pandemia

Livro desvenda a devastação do trabalho no Brasil durante a pandemia

Obra é composta por contribuições de pesquisadores(as) e gestores(as) públicos(as) e está disponível gratuitamente em pdf

A crise sanitária imposta pela pandemia da Covid-19 impactou o mundo. Mas no Brasil, diante do desemprego, da subocupação, da instabilidade do rendimento e da perda de representação e direitos sociais e trabalhistas, a situação é ainda mais preocupante. Um movimento imposto pelo neoliberalismo promove uma devastação do trabalho.

Todo esse contexto é desvendado por quase três dezenas de estudiosos(as), pesquisadores(as) e gestores(as) públicos(as) que apresentam suas contribuições intelectuais sobre o assunto no livro “A devastação do trabalho: a classe do labor na crise da pandemia”. 

A obra é organizada pelos(as) professores(as) e pesquisadores(as) Dalila Andrade Oliveira, da UFMG, e Marcio Pochmann, da Unicamp. O livro está disponível na internet em formato pdf, e pode ser baixado gratuitamente.

Clique aqui e acesse o livro

A sistematização da obra permite ao leitor compreender os desdobramentos no mundo do trabalho, na perspectiva dos(as) trabalhadores(as) diante do questionamento da globalização e da regressão recente da situação brasileira.

Reflexões especiais contemplam setores específicos, como é o caso do trabalho docente, contribuindo para compreensão dos acontecimentos, condição importante para enfrentamento desses desafios que representam retrocessos à classe trabalhadora.

A publicação contou com o apoio do Grupo de Estudos sobre Política Educacional e Trabalho Docente da Universidade Federal de Minas Gerais (GESTRADO/UFMG) e da co-edição pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE).