Hoje é dia de Mobilização por Melhores Condições de Trabalho

Hoje é dia de Mobilização por Melhores Condições de Trabalho

Às 18 horas, todos(as) contra a sobrecarga de trabalho dos(as) educadores(as)

Hoje (23) é dia de se manifestar e mostrar a indignação pela falta de estrutura e condições de trabalho dos(as) profissionais da educação em plena pandemia. Às 18 horas, o encontro virtual está marcado para transmitir a realidade de professores(as) e de funcionários(as) no ambiente educacional implantado na atualidade.

O presidente da APP-Sindicato, professor Hermes Leão, chama toda a categoria para se manifestar nas redes sociais em defesa da saúde e das condições de trabalho contra o assédio institucional e moral que está se acentuando e agravando durante a pandemia. “É importante a participação de todos que tiverem condições para compartilhar as denúncias. Aproveitem o material que o Sindicato já disponibilizou para denunciar o assédio que gera sofrimento, doenças e a piora das condições de um processo de ensino e de aprendizagem – e que precisa de qualidade. E para que tenha qualidade é preciso valorização e respeito”.

Para refletir – Como a sobrecarga de atividades com as aulas e atendimento aos(às) alunos(as) por uma plataforma implantada às pressas (Google Classroom) e sem treinamento está repercutindo? Como resultado encontra-se o desespero de estudantes por várias dificuldades e o adoecimento de muitos(as) educadores(as), seja por esgotamento mental e físico, ou ambos. A realidade de adoecimento nos ambientes de trabalho e o assédio moral acabam se relacionando. Qual é o resultado esperado para o ano letivo de 2020?

Leia também:

:: EaD exclui 60% dos(as) estudantes: Feder e Ratinho comemoram

:: Ministério Público recebe denúncia contra Ensino a Distância de Ratinho Jr.

:: 18 de Setembro: Dia de Mobilização Estadual contra o Assédio Moral e pela Saúde Mental