Garanta seus direitos, garanta sua sindicalização

Garanta seus direitos, garanta sua sindicalização

A APP defende você. Defenda a APP!

Garanta seus direitos, garanta sua sindicalização - Foto: APP-Sindicato

O governador Ratinho Junior, numa medida arbitrária e antissindical, impôs aos(às) servidores(as) do Estado do Paraná a obrigação de confirmar, novamente, se querem ou não que sua mensalidade sindical seja descontada em folha de pagamento (holerite).

A APP-Sindicato e demais entidades sindicais e associativas estão desde janeiro numa grande luta para derrubar essa medida. Na última reunião de debates, realizada no dia 9 de março, mediada pelo Ministério Público do Trabalho, os(as) representantes do governo reafirmaram a disposição do governador em manter essa prática de perseguição e ataque às entidades sindicais.

A suspensão do desconto autorizado na folha trará enormes prejuízos aos(às) sindicalizados(as), principalmente aos(às) aposentados(as), que são a maioria. Com essa medida, o governo ataca o instrumento de representação, mobilização e organização dos(as) servidores(as) públicos(as) na luta pelos seus direitos.

Além de perderem a representação sindical, perderão também o direito de usufruir dos benefícios oferecidos pelos sindicatos e associações, tais como cobertura nas ações judiciais, uso dos espaços do sindicato, utilização dos convênios oferecidos, entre outros.

Para enfrentar mais esse ataque e defender seus direitos, a categoria aprovou na última assembleia estadual, realizada em Maringá, que mais do que nunca é momento de defender a APP-Sindicato e as demais entidades que defendem os(as) trabalhadores(as).

A melhor resposta que podemos dar ao governo que quer atacar a APP-Sindicato é tornando-a mais forte. Para isso, orientamos que debatam essa medida autoritária do governo e se envolvam na campanha para manter e fazer novas sindicalizações, aumentando, assim, a representatividade da APP-Sindicato.

Como manter sua sindicalização

Para aqueles(as) que já são sindicalizados(as), possuem o desconto da mensalidade na folha de pagamento (holerite) e não realizaram a revalidação exigida pelo Decreto 3.808/20, devem escolher uma das seguintes formas de garantir a manutenção da sua sindicalização e seus direitos:

1. Migração para o desconto em banco (Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal)

Para mudar o desconto da folha de pagamento para a sua conta bancária:

  1. Acesse o link: http://sistema.app.com.br/adm_app/atualiza_cadastro.php/
  2. Digite o RG, nome completo e marque o item “não sou robô”;
  3. Verifique os dados, corrija se necessário, e informe os dados da conta bancária onde deverá ser debitado a mensalidade da APP-Sindicato.
  4. Para finalizar, clique no botão “Confirmar Alteração”.

Atenção: O Banco do Brasil exige uma autorização para o débito, você pode fazê-lo nas agências bancárias, no aplicativo de celular ou pelo site do banco. Veja o passo-a-passo neste link.

2. Migração para desconto em cartão de crédito

Para mudar o desconto da folha para o desconto no cartão de Crédito, você deverá:

  1. Acessar o link: https://appsindicato.org.br/sindicalize-se-ja/
  2. Escolher a opção sindicalização “online”
  3. Seguir os passos indicados no site da APP-Sindicato.

3. Desconto em folha:

Aqueles(as) que possuem o desconto na folha de pagamento (holerite) e que desejam manter esta forma de desconto precisarão fazer uma nova autorização de débito.

1- Orientamos que procurem o Núcleo Sindical da APP-Sindicato (veja aqui nossos endereços)  mais próximo ou o(a) representante da APP-Sindicato em sua escola.

Saiba como fazer novas sindicalizações

Consulte as formas de realizar sua sindicalização no site da APP-Sindicato (clique aqui), procure o Núcleo Sindical mais próximo (veja aqui nossos endereços) ou o(a) representante da APP-Sindicato em sua escola.

 

Assista ao vídeo abaixo e confira as orientações da direção estadual sobre o decreto antissindical e como manter a sua sindicalização.

 

Links

Governador do Paraná mente nas redes sociais

Aposentados(as) estão revoltados(as) com decreto imposto por Ratinho Junior

Governo mantém decreto que prejudica servidores(as) do Paraná

Decreto 3808/2020

MENU