Está no ar o Jornal Mural especial sobre a Data-Base e a paralisação de 21 de junho

Está no ar o Jornal Mural especial sobre a Data-Base e a paralisação de 21 de junho

APP-Sindicato detalhou os números que o Estado quer esconder: há dinheiro em caixa, o que falta é vontade para pagar os(as) servidores(as)

Dia 21 de junho é dia de paralisação e a APP-Sindicato preparou um Jornal Mural para convocar a categoria e detalhar os motivos que levaram os(as) educadores(as) a deflagrar uma nova greve no dia 21 de junho.

>> Clique aqui para baixar o PDF

O material gráfico deve chegar às escolas ainda nesta semana. O texto detalha os números que o governador Ratinho Jr. tenta esconder.

Por meio da sua assessoria, a APP esmiuçou as contas do Estado e conclui: há dinheiro, o que falta é vontade para pagar a dívida de quase 36% sobre o salário dos(as) servidores(as).

Além de provar matematicamente o descaso com o funcionalismo, a APP-Sindicato aponta uma série de medidas para além da Data-Base que poderiam ser executadas com os recursos existentes, como a liberação de licenças especiais e horas para cursar mestrado e doutorado, pagamento das promoções e progressões e isenção do desconto previdenciário para aposentados(as) que recebem abaixo do teto do INSS.

Outras pautas incluem medidas sem custo ou que geram economia, como a revogação da terceirização dos(as) funcionários(as).

O Sindicato aponta o erro e também oferece soluções. Por  isso, o material serve como base para a construção do Junho de lutas, mês em que a categoria terá um calendário de atividades para cobrar o pagamento dos atrasados e mais respeito com a educação.

Jornal_Mural_jun2022_web

 

MENU