Contra o Decreto 3808: nesta sexta (07) é dia de mobilização dos(as) servidores(as)

Participe na defesa contra a prática antissindical

Nesta sexta-feira (07), às 9 horas, os(as) servidores(as) estarão concentrados(as) em frente ao Ministério Público do Trabalho (MPT), em Curitiba, para denunciar os ataques do Governo do Paraná contra os sindicatos e associações. Na ocasião, ocorrerá a quarta rodada de negociação mediada pelo MPT.

A reivindicação é pela revogação do Decreto 3808, pois na prática também fere direitos fundamentais dos(as) trabalhadores(as) públicos(as) e ataca a Constituição Federal. Este Decreto antissindical vai prejudicar o acesso dos(as) servidores(as) aos serviços prestados pelas entidades, como acesso a convênios de saúde, atendimento jurídico, uso de espaços de lazer e recreação, entre outros. Indiretamente serão mais de um milhão de paranaenses prejudicados(as).

O presidente da APP-Sindicato, professor Hermes Leão, informa sobre a reunião ocorrida nessa segunda (03), com a presença de representantes do governo Ratinho Jr., com o anúncio de que o prazo para a ação de autorização da validação de sindicalização seria prorrogado do dia 10 de fevereiro por mais 30 dias. “A nossa defesa e debate no Ministério Público do Trabalho é pela revogação do Decreto 3808, pois é uma prática grave que enfraquece a luta dos servidores e a estrutura e organização sindical”, reforça Hermes.

Leia também:

:: Servidores(as) denunciam prática antissindical em primeira sessão da Alep