Conae 2023: Proposta para Funcionários(as) de Escola será fundamental para avanço da luta no Paraná APP-Sindicato

Conae 2023: Proposta para Funcionários(as) de Escola será fundamental para avanço da luta no Paraná

De acordo com a proposta no documento base, o objetivo é garantir a realização de concurso público e pagamento do piso para Funcionários(as) de Escola

De 28 a 30 de janeiro, educadores(as), estudantes e membros da comunidade escolar devem concentrar esforços em Brasília para debater propostas e construir um novo Plano Nacional de Educação na Conferência Nacional da Educação (Conae 2024).

Importante instrumento de avanço, o Conae garante ampla participação popular e debate eixos fundamentais para estabelecer uma política nacional de valorização de profissionais da educação e a construção de uma educação pública libertadora, de qualidade e que atenda as necessidades dos(as) filhos(as) da classe trabalhadora.

:: Receba notícias da APP no seu Whatsapp ou Telegram

Para nortear o debate, o Fórum Nacional de Educação (FNE) construiu o documento referência, contendo eixos que acatam pautas prioritárias para promoção da educação e fortalecimento de direitos para educadores. 

O documento foi debatido em todas as etapas do Conae, quando os(as) participantes puderam adicionar emendas que serão apresentadas na etapa nacional.

>> Confira o Documento Referência

Entre os eixos, está presente a pauta de Funcionários(as) de Escola, que nos últimos anos foram deixados de lado tanto pelo governo federal, quanto por governos estaduais e municipais.

De acordo com a proposta, o objetivo é garantir a realização de concurso público para o segmento, de forma que garanta que 80% dos profissionais sejam concursados, observando a necessidade de concursos específicos para atender as modalidades de educação indígena, quilombola, do campo e bilíngue de surdos. 

Outro ponto que deverá ser discutido no Conae é a necessidade da criação de uma lei federal que estabeleça e garanta o pagamento do piso salarial para funcionários(as) de escola, uma pauta histórica da Confederação Nacional dos(as) Trabalhadores(as) (CNTE) e da APP-Sindicato.

O Secretário Executivo da CNTE, Valdivino Moraes, aponta que para garantir avanço nas carreiras de Funcionários de Escola no Paraná é preciso aprovar uma lei nacional.

“Não há possibilidade de aprovar uma legislação só no Paraná sem ter uma legislação nacional. É importante lembrar que o Programa Nacional de Educação é a regulamentação do artigo 214 da Constituição Federal. Então você define isso nacionalmente e você tem a repercussão tanto no estado como nos municípios. Para avançar no Paraná é muito importante que façamos essa pactuação com a sociedade e legisladores(as) no Congresso Nacional, para que em seguida possamos pressionar para que o estado siga essa legislação construída nacionalmente”, explica o Funcionário de escola.

Valdivino ressalta ainda que além de definir propostas para carreiras e percentual de profissionalização, é importante que funcionários(as) de escola eleitos(as) como delegados(as) atuem para fortalecer o debate sobre o financiamento da educação.

“Não tem como implementar políticas se não estivermos conectados com a questão do financiamento. Importante lembrar que foi um avanço definirmos os 70% para pagamentos, no entanto sabemos que há outros pontos que precisamos amarrar melhor, sendo uma delas a fiscalização do Fundeb”, finaliza o secretário.

Conae 2024

“Plano Nacional de Educação (2024-2034): política de Estado para a garantia da educação como direito humano, com justiça social e desenvolvimento socioambiental sustentável” é o tema desta Conae, convocada pelo governo federal.

A edição deste ano se caracteriza pela ampliação do debate, com a inclusão de setores sociais como os movimentos negro, indígena, mulheres, quilombola, PCDs, estudantes, mães, pais e responsáveis, entre outros. A novidade permite um olhar sobre a educação a partir daqueles(as) que a têm como um direito social, para além dos segmentos educacionais.

A previsão é de que a etapa nacional reúna em torno de 1.500 pessoas de todas as regiões do país para a  formatação do documento que servirá de orientação para a elaboração do plano nacional de educação. 

A programação do evento já está disponível, acesse o link e confira na íntegra!

Leia mais:

:: Propostas querem acelerar melhorias em salários e planos de carreira dos(as) profissionais da educação
:: Paraná conclui fase estadual da Conae 2024 com aprovação de propostas e delegados(as) para a nacional
:: Casa cheia de sonhos: etapa estadual da Conae 2024 debate desafios e soluções para a educação
:: Fórum Nacional de Educação divulga texto-base da Conae 2024 e vídeos para subsidiar debates

MENU