Categoria aprova contas da APP-Sindicato

Categoria aprova contas da APP-Sindicato


Atividade, aplicações orçamentárias de 2017 e planejamento de investimentos para 2018 foram avaliados e autorizados pela categoria em assembleia neste sábado(21) 

 

As contas da APP-Sindicato referente ao ano de 2017 foram avaliadas e aprovadas pela categoria. Na manhã deste sábado (21), sindicalizados(as) de todo Paraná se reuniram em assembleia para coletivamente  avaliar o Balanço Financeiro e Patrimonial de 2017, o Relatório Geral de Atividades Políticas e Sindicais de 2017 e o Plano Anual de Aplicação Orçamentária de 2018.

A arrecadação do Sindicato é feita, exclusivamente, pela adesão voluntária – o Sindicato não recebe nenhum imposto ou repasse do governo federal ou estadual. Todos os meses, professores(as) e funcionários(as) de escola contribuem para a manutenção do sindicato que os representa. Do total arrecadado, 70% é destinado à sede para pagamento dos(as) empregados(as) da APP-Sindicato, manutenção estrutural (incluindo as Casa da APP, o Clube do Professor e as Colônias de férias), bem com organização das atividades políticas e pedagógicas do Sindicato. Os outros 30% são destinados aos Núcleos, para viabilizar a estrutura e ações em defesa da categoria, em todas as regiões do Estado.

A secretária de Finanças da APP-Sindicato, professora Walkiria Olegário Mazeto, explica que a prestação de contas, dos Núcleos Sindicais e da sede, para apreciação  do Conselho Fiscal (composto por nove educadores/as eleitos/as pela categoria para fiscalizar a aplicação dos recursos do sindicato). “Todas as notas, toda a despesa com bancos, folha de pagamento, papelaria, atividades: tudo, absolutamente tudo é repassado e detalhado ao Conselho Fiscal. Esse é um processo continuo dentro do Sindicato que garante a organização e transparência no uso da contribuição dos sindicalizados”, detalha Walkiria.

De acordo com o representante do Conselho Fiscal, professor Sergio Martinhago, o trabalho da equipe eleita é árduo e minucioso. “Somos responsáveis por analisar cada nota fiscal, cada documento. Fiscalizamos, orientamos sobre gastos e, quando preciso, reprovamos ou colocamos sob análise. Tudo isso para garantir o melhor uso possível do patrimônio da categoria”, afirma o presidente do Conselho Fiscal.

Para garantir a lisura de todo processo de prestação, na segunda-feira (23), o Balanço Financeiro e Patrimonial aprovado em assembleia estará disponível para consulta, aqui, no site da APP-Sindicato.

 

MENU