APP recebe Rafael Freire, representante da CUT na CSA APP-Sindicato

APP recebe Rafael Freire, representante da CUT na CSA

A visita trouxe contribuições para o planejamento da luta sindical em 2024

Rafael Freire, secretário geral e representante da CUT (Central Única dos Trabalhadores) na CSA (Confederação Sindical dos Trabalhadores das Américas), esteve presente, nesta quinta-feira (18), na APP, trazendo uma atualização política nacional e internacional. 

Com grande experiência na luta pela educação pública e de qualidade, Rafael contribuiu na análise da conjuntura sindical para os próximos anos, além de colaborar no planejamento do próximo evento em que a APP está envolvida: a Jornada Latino-Americana e Caribenha de Integração dos Povos, que acontecerá de 22 a 24 de fevereiro, em Foz do Iguaçu (PR).

Para a presidenta da APP-Sindicato, Walkiria Mazeto, a visita do secretário da CSA foi importante para a diretoria traçar novos planos de atuação na educação.  “Como ele tem atuado no nível da América Latina, mas acompanhado a organização e a luta dos(as) trabalhadores(as) mundialmente, Rafael sempre traz contribuições na leitura da conjuntura e dos desafios no projeto Internacional, que também tem impacto sobre nós”, afirma a presidenta. 

CSA

A CSA foi fundada em 27 de março de 2008 na Cidade do Panamá e reúne 48 organizações nacionais de 21 países, representando 55 milhões de trabalhadores. É a organização regional da Confederação Sindical Internacional (CSI) e tem entre seus objetivos para a sua ação sindical na região o respeito e promoção dos direitos humanos, sindicais e laborais de todas as pessoas.

A organização defende também a igualdade e a equidade de gênero e a participação plena das mulheres em todos os níveis do movimento sindical e em todas as instâncias da sociedade; o desenvolvimento sindical; a solidariedade entre os(as) trabalhadores(as) e suas organizações e a redução da jornada de trabalho.

Jornada Latino-Americana e Caribenha de Integração dos Povos

A Jornada Latino-Americana e Caribenha de Integração dos Povos representa o esforço de unidade e integração entre diferentes forças políticas, movimentos populares, sindicais, movimentos de mulheres, estudantes, organizações e intelectuais latino-americano e caribenhos.

Sediada na Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila) e na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), a Jornada terá conferências e mesas de debate, apresentações culturais, feira de alimentos e pratos típicos, artesanato e itens da economia popular e solidária.

O evento é resultado da união de diversas organizações, entre elas: Alba Movimentos; AIP; CSA; Organização Continental Latino-americana e Caribenha de Estudantes (Oclae); Jornada Continental pela Democracia e Contra o Neoliberalismo, Unioeste; Unila; APP-Sindicato e CUT.

MENU