Assembléia estadual define mobilizações

Assembléia estadual define mobilizações


null

Professores e funcionários das escolas do Paraná decidem intensificar os debates sobre a mobilização da categoria
14/06/2008 – Em assembléia estadual realizada na manhã deste sábado, em Curitiba, os educadores do Paraná decidiram intensificar a mobilização da categoria, com a realização de debates nas escolas e com a comunidade para potencializar as reivindicações dos professores e funcionários. Materiais como adesivos, faixas , carta aos pais e camisetas serão confeccionados.
Os educadores também confirmaram o dia 20 de junho para o Encontro Estadual dos Funcionários de Escolas, momento em que será amplamente debatido o Plano de Carreira dos Funcionários. O seminário acontece a partir das 8h30min na Sociedade Thalia (Rua Comendador Araújo, 338). Após a atividade, serão realizados debates/seminários regionais sobre o Plano de carreira.
Assembléia – Tendo em vista documento encaminhado pelo governo ao sindicato de comprometimento a pontos de reivindicação da categoria, os educadores definiram a realização no dia 9 de agosto de assembléia estadual para avaliar os rumos do movimento e estabelecer estratégias de luta.
30 de Agosto – Em referência aos 20 anos da data que marca o Dia de Luto e Luta dos Trabalhadores em Educação, será realizado um grande ato no dia 30 de agosto, com campanha de doação de sangue.
Eleições da APP – A assembléia aprovou o Regimento Eleitoral para as eleições da APP que acontecerão no dia 25 de setembro deste ano. Foram aprovados os nomes para a Comissão Eleitoral Estadual que coordenará o processo eleitoral.
A assembléia foi muito participativa. O auditório do Colégio Estadual estava lotado.Professores e funcionários de escolas fizeram um intenso debate sobre os itens da pauta de reivindicação da categoria.Entre estes, a equiparação salarial com os demais servidores públicos, o plano de carreira para os funcionários de escola; a implantação do cargo de 40 horas para os professores; a implantação da lei nacional 11.301/2006, que institui o direito a aposentadoria especial para pedagogos e diretores de escolas; redução do número de alunos por turma e a melhoria do atendimento à saúde dos educadores.

Documento do governo – Na tarde desta sexta-feira, o secretário de Educação Maurício Requião enviou à Direção da APP-Sindicato, ofício nº 1732/2008 referente ao prosseguimento do processo de negociação. No documento o secretário reitera que (itens na íntegra):

‘a) ainda neste mês de junho, a Seed enviará à Casa Civil, para análise e posterior remessa ao Poder Legislativo, proposta de Plano de Carreira dos Funcionários, que está sendo elaborada por Comissão instituída para esse fim, composta por técnicos da Seed e representantes da APP-Sindicato;

b) daremos início, no segundo semestre letivo de 2008, à implantação do cargo de 40 horas;
c) daremos continuidade, em reunião agendada para o próximo dia 18, às discussões dos demais itens da pauta sindical, particularmente ao item de política salarial, com redefinição de cronograma de negociações e análise das possibilidades de melhoria dos salários dos professores”.

MENU