10 razões para dizer NÃO à venda da escola pública

10 razões para dizer NÃO à venda da escola pública

Entenda porque a proposta de Ratinho Junior é um risco para a educação pública paranaense

Após as urnas garantirem a estadia de Ratinho Junior frente ao governo do Estado, o governador reeleito avança seu projeto privatista e desta vez quer entregar a educação de bandeja para o setor privado. Entenda porque a proposta de Ratinho é um risco para a educação pública paranaense:

>> Receba notícias da APP por Whatsapp ou Telegram

1 – Dinheiro público é para a escola pública!

O Edital 02/2022 do governo Ratinho Jr prevê o repasse de bilhões em recursos públicos para empresas assumirem a gestão de escolas estaduais. Empresa existe para dar lucro e não para garantir educação de qualidade.

2 – Corrupção e falta de fiscalização

Em todo o mundo, a terceirização da gestão da escola pública para agentes privados resultou na fragilização dos mecanismos de controle sobre os recursos públicos, superfaturamento e corrupção.

3 – Estudantes não terão a garantia de matrícula

Hoje as matrículas são realizadas por proximidade da escola. Com a privatização, as matrículas passarão a obedecer sorteios sem critérios transparentes, excluindo parte dos(as) alunos(as).

4 – Fim do Ensino Noturno

O edital não prevê a manutenção do Ensino Noturno, o que pode levar à extinção da modalidade com a expansão do programa, afetando diretamente quem trabalha durante o dia e só pode estudar à noite.

5 – Exclusão da educação especial

Não há garantia de que as escolas continuarão tendo Sala de Recursos e atendimento especializado aos(às) estudantes com necessidades educativas especiais.

6 – Fraude e manipulação de resultados

As empresas receberão mais de acordo com o cumprimento de metas de avaliação e frequência, o que estimula a manipulação de resultados e a exclusão de estudantes que apresentam mais dificuldade no aprendizado.

7 – Merenda  será terceirizada

A alimentação escolar deixará de ser adquirida pelo Estado e preparada por merendeiras profissionais. Empresas desconhecidas assumirão o fornecimento e o preparo da merenda.

8 – Terceirização dos(as) professores(as)

Professores(as) também serão terceirizados(as), perdendo o vínculo com o Estado, direitos e benefícios. A precarização levará a mudanças no quadro e terá impactos negativos na qualidade do ensino.

9 – Vai dar errado

A terceirização dos(as) funcionários(as) de escola custou mais caro e piorou o serviço. A terceirização dos cursos técnicos para a Unicesumar foi um desastre. Não aceite a venda da sua escola!

10 – A escola  é da  comunidade

As empresas não conhecem a realidade da comunidade, seus estudantes e sua história. Defenda a escola que sempre esteve ao seu lado, atendendo a comunidade com dedicação e compromisso!


:: Leia mais:

:: Ratinho mente: escolas estaduais na mira da privatização têm bom desempenho no ideb 
:: Confusão: governo anula edital de privatização das escolas e lança novo de um dia para o outro
:: Fórum Nacional da Educação do Campo denuncia privatização de Escolas no Paraná
:: Docentes da UEL publicam nota de repúdio ao modelo de privatização de Ratinho Jr
:: Pesquisadores(as) da UFPR apontam que privatização de escolas é ilegal e prejudica os(as) estudantes
:: Educação à venda: governo foge de Audiência Pública que debate privatização das escolas do Paraná
:: Para especialistas, terceirização só beneficia as empresas contratadas e não vai melhorar a educação no Paraná
:: Fim da escola pública: Ratinho Jr escancara projeto privatista com edital de terceirização

MENU